PARQUES ESTADUAIS DE SANTA CATARINA, RIO CANOAS E SERRA FURADA RECEBEM ESCOLAS EM COMEMORAÇÃO AO DIA DAS CRIANÇAS

SELO RECONHECE TRABALHO DE PRESERVAÇÃO DESENVOLVIDO PELA SECRETARIA DE MEIO AMBIENTE DE LUÍS EDUARDO MAGALHÃES – BA
25 de setembro de 2019
Conama aprova novo Regimento Interno
16 de outubro de 2019

PARQUES ESTADUAIS DE SANTA CATARINA, RIO CANOAS E SERRA FURADA RECEBEM ESCOLAS EM COMEMORAÇÃO AO DIA DAS CRIANÇAS

Em comemoração ao Dia da Criança, 12 de outubro, o Parque Estadual do Rio Canoas, em Campos Novos, e o Parque Estadual da Serra Furada, em Orleans, terão atrações especiais. As Unidades de Conservação, administradas pelo Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), realizam um cronograma de atividades que ocorre nos dias 10 e 11 de outubro.

Trilhas, visualização de vídeos com óculos e realidade virtual, jogos, brinquedos infláveis, entre outras atividades lúdicas estão incluídas na programação, a fim de proporcionar um contato mais direto entre as crianças de escolas públicas da região e a biodiversidade dos parques. A iniciativa é do Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), em parceria com o GRIMPEIRO e com a Fundação Ambiental do Grão-Pará.

No Parque Estadual da Serra Furada, as crianças da Escola Municipal de Grão-Pará foram recebidas nesta quinta-feira, dia 10 de outubro, onde desfrutaram de um passeio pela Trilha Salto da Paiva. Já no Parque Estadual Rio Canoas, a programação é mais extensa. Nesta quinta-feira, 10 de outubro, o Parque recebeu a Escola de Educação Básica Professor José Faria Neto. Os alunos foram divididos em grupos para realizar atividades de ambientação por meio de totens interativos da biodiversidade do PAERC, visualização dos melhores vídeos de monitoramento da fauna, saída para Trilha das Águas e Trilha do Cemitério. Além disso, foram realizadas brincadeiras com brinquedos infláveis, “Cidade dos Bichos” (Jogo de tabuleiro do IMA), entre outras. Nesta sexta-feira, 11 de outubro, o Parque recebe a Escola de Educação Básica Coronel Gasparino Zorzi com a mesma programação.

O Parque Estadual Fritz Plaumann, em Concórdia, o Parque Estadual das Araucárias, em São Domingos, o Parque Estadual do Rio Vermelho, em Florianópolis e o Parque Estadual da Serra do Tabuleiro, na Grande Florianópolis, estarão abertos à visitação do público neste fim de semana dedicado às  crianças. Confira os horários de visitação no site do IMA.

Parque Estadual Rio Canoas

O Parque Estadual Rio Canoas (PAERC), criado pelo Decreto nº 1.871, de 27 de maio de 2004, localiza-se no município de Campos Novos. É uma unidade de Conservação da Floresta Ombrófila Mista ou Floresta de Araucária. A área de 1.133,25 hectares foi adquirida pela Campos Novos Energia S.A. – Enercan e doada ao Governo do Estado de Santa Catarina como compensação ambiental pelo aproveitamento hidrelétrico de Campos Novos na Bacia Hidrográfica do Rio Canoas. Boa parte das riquezas naturais de Santa Catarina está abrigada nessa área. Pertencente ao bioma Mata Atlântica, esta Unidade de Conservação tem a finalidade de proteger a biodiversidade da Floresta Ombrófila Mista (Floresta de Araucária), formada por araucária (Araucaria angustifolia), xaxim (Dicksoniasellowiana), imbuia (Ocotea porosa), cedro (Cedrelafissilis) e demais espécies arbóreas.

Parque Estadual da Serra Furada

O Parque Estadual da Serra Furada (PAESF) é uma Unidade de Conservação de Proteção Integral criada em 20 de junho de 1980, por meio do Decreto nº 11.233. A área de 1.330 ha abrange os territórios municipais de Orleans e Grão-Pará. Paisagens exuberantes da Serra Catarinense podem ser observadas nessa região. Situado nas escarpas da Serra Geral, o Parque Estadual da Serra Furada está ligado geograficamente na porção oeste à área do Parque Nacional de São Joaquim (49.300 ha), aumentando a área conservada e favorecendo a biodiversidade existente no local. A geomorfologia do PAESF é caracterizada por relevo escarpado nas áreas mais elevadas juntamente com vales íngremes, evidenciados por forte erosão fluvial, o que remonta às formações geológicas da Serra Geral e Botucatu. Nas áreas onde predominam as rochas sedimentares, a superfície é caracterizada por formas de colinas arredondadas. Seu relevo extremamente acidentado, com altitudes que variam de 400 a 1480m, lhe confere grande beleza cênica, tornando o Parque um local de grande potencial turístico.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale Conosco